Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal

Dia da Reserva Natural do Estuário do Sado

Comemorações

1 out 2020

Estuário do Sado

​​​O Dia da Reserva Natural do Estuário do Sado (RNES) celebra-se a 1 de outubro, data em que foi criada a área protegida pelo Decreto-Lei nº 430/80, de 1 de outubro.

Esta classificação deveu-se ao​ interesse botânico e faunístico, nomeadamente ornitológico (i.e. de aves) e ictiológico (i.e. de peixes), deste vasto plano de​ água. A razão desta classificação, deve-se também à necessidade de proteger o estuário de várias fontes de poluição, sendo absolutamente necessário tomar medidas no sentido de não comprometer irreversivelmente as suas incontestáveis potencialidades biológicas. 

Com a criação da RNES foi, simultaneamente, criada, dentro dos seus limites, a Reserva Botânica das Dunas de Tróia.

A Reserva Natural do Estuário do Sado que tem registadas 261 espécies de vertebrados, constitui também um "viveiro" ou zona de crescimento, para inúmeras espécies de peixes. ​O estuário do Sado encontra-se entre as três principais zonas húmidas portuguesas com importância para as aves aquáticas (anatídeos, galeirões e limícolas), tendo-se mesmo verificado um gradual crescimento da comunidade das aves aquáticas.

​​A RNES abrange o essencial do estuário do Sado e estende-se por territórios pertencentes aos concelhos de Alcácer do Sal, Grândola, Palmela e Setúbal.

  • Evento
  • Água e ambiente marinho
  • Ecologia
  • Biodiversidade e Ecossistemas
  • Áreas protegidas
  • Ambiente
  • Poluição
  • Reserva Natural
  • ICNF
  • Rios
  • Reserva Natural do Estuário do Sado
  • Rio Sado
  • Alcácer do Sal
  • Setúbal
  • Palmela
  • Grândola
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image