Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal

1 posto de trabalho – Especialista de Informática | BEP OE201903/0093, de 6 de março de 2019

Recursos humanos

06.03.2019

​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​Procedimento concursal comumpara o preenchimento de um posto de trabalho na carreira e categoria de Especialista de informática, do Mapa de Pessoal do Turismo de Portugal, I.P., na modalidade de relação jurídica de emprego público por tempo indeterminado, restrito a candidatos abrangidos pelo programa de regularização extraordinária de vínculos precários (PREVPAP)

Caracterização do posto de trabalho: Exercício de funções inerentes à carreira e categoria de Especialista de Informática, de acordo com o estabelecido no Decreto-Lei n.º 97/2001, de 26 de março e na Portaria n.º 358/2002, de 3 de abril, e em conformidade com o mapa de pessoal aprovado, designadamente: Gestão de infraestruturas (2.ª linha) Administração de Sistemas; Gestão de Data Center; Configuração de servidores; Gestão de quotas e monitorização do consumo de recursos dos servidores; Gestão e operação de patches e upgrades dos Sistemas Operativos e restante Software de Base; Documentação de arquitetura de servidores; Inventário do parque de servidores (licenciamento S.O., configuração dos servidores, números de série); Gestão de renovação de contratos de manutenção dos servidores; Interface técnico com fornecedores de tecnologia; Monitorização do estado de operacionalidade dos servidores e das aplicações; Inventário por aplicação (licenciamento, versões, arquitetura da solução); Gestão de antivírus e anti-spam; Gestão de cópias de segurança e reposição de dados; Gestão de Segurança e Comunicações; Segurança das comunicações e da infraestrutura de IT contra ameaças internas e externas;  Segurança da informação constantes dos servidores; Gestão da infraestrutura de comunicações; Gestão do login e password dos utilizadores internos e dos utilizadores dos Se​​​​​rviços ma Web; Gestão de firewalls e de equipamentos; Gestão e deteção de intrusos na rede e no e-mail; Realização de auditorias e monitorização de processos internos; Gestão de Rede (LAN) – Gestão de permissões de acesso e Recolha métrica de utilização para suporte à gestão de serviço; Gestão de Rede (WAN) – Monitorização do tráfego de rede, Monitorização/alarmística de conetividade dos circuitos e Monitorização dos equipamentos ativos que terminam a rede WAN.​

​​Nível habilitacional exigido: Curso de Técnico Especialista em Gestão de Redes e Sistemas Informáticos (Nível 5).​

​​​

  • Turismo de Portugal
  • Recursos humanos
  • Procedimento concursal
  • Informática
  • Prevpap
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image