Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal

FITUR marca o regresso de Portugal às feiras internacionais

Feiras de turismo

16.05.2021

​​​​A FITUR, a maior feira de turismo do mercado espanhol, é a primeira feira internacional a realizar-se presencialmente em contexto pandémico e Portugal, que participou ininterruptamente ao longo de 41 edições, estará presente para divulgar a qualidade da sua oferta turística e a resiliência das empresas nacionais. 

Entre os dias 19 e 23 de maio, em Madrid, a participação portuguesa na FITUR conta com as sete Agências Regionais de Promoção Turística e 33 empresas, num espaço com 681,5 m2 onde será instalado, e apresentado, o novo stand nacional que corporiza a estratégia e marca do destino. A Secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, e o Presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo deslocam-se à FITUR onde, durante dois dias, irão reunir com as empresas e o trade e visitar o stand de Portugal (19 de maio, 10h30), localizado no Pavilhão 6. 

O novo stand nacional foi concebido para proporcionar uma sensação de bem-estar junto do público, a mesma emoção que Portugal suscita nos seus visitantes, e integra elementos característicos da identidade do país enquanto destino turístico. Os ativos estratégicos do turismo nacional são aqui divulgados numa abordagem criativa, moderna, sofisticada e inovadora, com recurso a materiais e elementos estéticos inequivocamente associados a Portugal, como sejam a cortiça ou a azulejaria, e também, a meios tecnológicos modernos destinados à informação, comunicação e apresentação de conteúdos. 

A presença na FITUR é um importante momento da promoção do Destino Portugal num dos seus principais mercados estratégicos, sobretudo nesta altura em que a procura de destinos de proximidade se revela uma tendência. Sendo a primeira feira presencial do setor a nível internacional, esta será  uma oportunidade de negócio interessante para as empresas portuguesas, incentivando a retoma da atividade turística nacional.

Espanha é um mercado muito importante para Portugal que continua a apostar na promoção, online e offline, e na capacitação dos agentes turísticos, nomeadamente, nas vertentes gastronomia, enoturismo e cultura (museus, espaços artísticos, exposições). Se em 2019, Espanha já era o principal mercado emissor para o destino Portugal, aferido pelo indicador hóspedes (quota de 13,9%) e o 3.º no indicador dormidas (quota de 10,7%), em 2020, mesmo em contexto de pandemia e de drástica redução dos níveis da procura internacional, posicionou-se como o 1.º mercado turístico para Portugal aferido pelo indicador hóspedes, com registo de 810,9 mil hóspedes que geraram 1.785,3 mil dormidas (3º neste indicador). 


  • Feiras de turismo
  • FITUR
  • Promoção do destino
  • Portugal
  • ARPT
  • Turismo de Portugal
  • Madrid (Espanha)
  • 2021
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image